domingo, 30 de agosto de 2015

Sobre a ingenuidade de se acreditar no bem.


"A vida é toda roxa, cheia de hematomas."
Simonami- Trouxa


Não sei exatamente qual a origem do mal e a essa altura nem me importa mais. Mas eu sei que ele existe e existem pessoas más.
Tive a sorte ou azar não sei de sempre acreditar no melhor das pessoas, sempre tentar ver nela o que ninguém vê.
Mas e quando as pessoas não tem um melhor?
Sempre agi achando que as pessoas agiriam positivamente ou seriam sinceras da mesma forma, mas o que tenho aprendido DOLOROSAMENTE é que existem pessoas de todo tipo e existem pessoas más.
Pessoas que mentem com o intuito de destruir alguém, caluniam, causam mágoas e sabe de uma coisa? O mundo prefere pessoas assim.
Não sou perfeita longe disso mas não consigo machucar alguém simplesmente por machucar para destruir. Esse mundo anda doente e ás vezes me sinto envergonhada de habitar aqui, sério.
No mundo de hoje eu sou uma trouxa, não passo de uma ingênua que tenta acreditar no bem.
Mas no fundo ninguém se importa. Todos preferem viver com suas máscaras, mentiras e alegrias superficiais. Ninguêm quer ser um trouxa...


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Toque uma nota.