quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Eu assisto minha vida sentada no meio fio.

Sento no meio fio e deixo a vida passar.
E ela parece que pirraça, não passa.
Todos passam, mas a minha vida não.
Não a vejo mais diante dos meus olhos.
Não me reconheço diante do espelho.
Sento no meio fio e espero o sol aquecer o meu corpo.
Quem sabe derreter o frio nesse coração.
Você foi, eu fui.
Nós fomos em direções opostas.
E agora o que resta?
Não sei...as palavras já foram embora, os sorrisos também.
Assisto minha vida sentada no meio fio e não vejo nada.

"Eu assisto minha vida sentada no meio fio, esperando o sol me aquecer"- Simonami

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Toque uma nota.